Filme 'Felicidade por um fio' desperta reflexão sobre cabelo

17 abril 2021


Com a pandemia do coronavírus, mulheres que alisavam os cabelos por muitos anos decidiram iniciar a transição capilar - nome que se dá ao processo que ocorre entre a interrupção do uso de química e o retorno para a forma natural dos cabelos. O período de isolamento social ajudou nesse comportamento porque as mulheres passaram a ficar mais tempo em casa e, consequentemente, migraram para a jornada do autoconhecimento e aprenderam a lidar com o próprio cabelo. Eu produzi uma reportagem sobre isso para o portal de notícias G1 Campinas e você pode ler o texto aqui. Aproveite e compartilhe esse conteúdo do G1 com aquela pessoa que você conhece e está na dúvida sobre começar ou não a transição capilar. O material reúne experiências de diversas mulheres que aceitaram os cabelos brancos e cacheados e, com certeza, essas histórias podem servir de inspiração.


Eu já contei aqui no blog como foi o meu processo para chegar no cabelo natural após anos fazendo alisamento, mas hoje quero trazer dica de um filme que aborda esse assunto: Felicidade por um fio, que pode ser assistido no canal de streaming Netflix.



Em Felicidade por um fio, Violet Jones é uma publicitária respeitada e de muito sucesso. No auge da vida profissional e feliz no relacionamento com o namorado, o que ela mais deseja é receber um pedido de casamento do companheiro, mas isso não acontece e Violet entra num processo de revolta. Incentivada pela mãe a alisar os cabelos constantemente, desde criança ela está acostumada com uma aparência impecável, sem deslizes estéticos. Apesar disso, Violet não consegue curtir a vida de forma natural porque sempre precisa estar com o visual "adequado" para aquilo que as pessoas cobram dela.


Durante essa revolta com o fim do relacionamento, ela se irrita e fica descabelada. A partir daí, ela olha para o espelho e entra numa jornada de busca por autoconhecimento. No meio do caminho, descobre que pode ser feliz da forma que deseja e passa a lutar por um estilo próprio enquanto descobre outros caminhos que a vida proporciona. Enquanto faz a transição capilar, ela vai descobrindo a felicidade.

2 comentários:

  1. Deve ser um filme cheio de ensinamentos. Quero muito assistir.

    Boa semana!

    Jovem Jornalista
    Instagram

    Até mais, Emerson Garcia

    ResponderExcluir

© Blog da Hida | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Colorindo Design | Tecnologia do Blogger.