Início Sobre contato anuncie recomendo

Adotar um pet é coisa séria

Representantes da ONG Focinho Abandonado, que atua há dois anos e meio em Campinas. / Foto: Divulgação

Adotar um bichinho de estimação é coisa séria, mas nem todas as pessoas possuem consciência disso. Segundo levantamento realizado pelo Conselho de Proteção e Defesa dos Animais em Campinas, a taxa de devolução após a adoção do pet é, em média, de 10%. Para mudar esse cenário, entidades que lutam pelos direitos dos animais estão realizando campanhas para coibir  desistências após adoção. 

De acordo com a Focinho Abandonado - ONG que atua há dois anos e meio em Campinas e já garantiu um novo lar para 700 pets -, uma das principais dificuldades é vencer o preconceito das pessoas, já que os cães idosos ou deficientes nem sempre ganham chances. "Adotando um focinho você colabora tirando um animal das ruas e ainda enche a sua vida de amor e gratidão", conta Isabela Bittencourt, uma das quatro representantes da Focinho Abandonado. 

Depois de anos esperando a oportunidade de ter um bichinho de estimação, a jornalista Sarah Brito adotou o Sapic, cão da raça Poodle que hoje tem cinco meses. "Me comovi com a historinha do Sapic. Ele tinha uma irmãzinha que foi vendida e ele não foi porque era macho, que é mais difícil de vender. Ele apareceu e eu fiquei feliz em adotá-lo", relembra Sarah ao contar que hoje o cãozinho mora em um apartamento que ela divide com o namorado.

Ainda segundo a jornalista, a relação com o Sapic é de muito cuidado. "Levamos ao veterinário assim que ele chegou e o Sapic tomou todas as vacinas e vermífugo. No começo era mais difícil porque ele teve uma infecção e também não sabíamos como cuidar dos pelos. Hoje damos banho em casa com produtos específicos para cachorro, secamos e penteamos o pelo com um pente especial para evitar nós. Ele passeia bastante, sai de casa, vai na casa de amigos. Ele já foi até em sítio e não gostou muito da grama", brinca Sarah ao falar sobre as preferências do Sapic.

"Adote! Cachorrinhos são tudo de bom, alegram nossa vida. As zoeiras e comidas de móveis, revistas, até livro de receitas, são bobagens perto do amor que esses pequenos trazem. Mas adote com responsabilidade, pois um cachorrinho é um membro da família e merece amor e carinho", aconselha Sarah. 

Você tem vontade ou já adotou um bichinho de estimação? Deixe a sua história nos comentários. Para conhecer o trabalho da ONG Focinho Abandonado, basta clicar AQUI e acessar a página da entidade no Facebook

Ah, o Sapic tem Instagram: siga o perfil @sapicthedog e acompanhe as aventuras do Poodle.

Sapic com a família / Foto: Arquivo pessoal

Sapic e o sapo, parceiro de zoeiras pelo apartamento / Foto: Arquivo pessoal 


Para conhecer o apoio que os animais dão no setor de Segurança Pública, clique AQUI e leia um texto especial publicado pelo Blog da Hida. 

20 comentários:

  1. Adotar é coisa séria mesmo, pois um cachorrinho requer muitos cuidados como uma criança.
    Eu adotei o Léo quando ele tinha 45 dias, ele foi abandonado em uma caixa no portão de uma moça que não tinha condições de ficar com ele. Nos primeiros meses eu gastei mais de 200,00 com ele. Entre vacinas, vermifugos e coisinhas para ele se sentir bem. Hoje ele é um pentelho e acredito que seja muito feliz conosco. Ele tomou a última vacina e agora pode passear na rua e tomar banho. Dá trabalho, mas não se compara a felicidade de ter um cãozinho em casa e bem tratado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gente, abandonado? Que tristeza! Eu já vi fotos do Léo no Insta e ele tem cara de bagunceiro rsrsrs Mas ele é lindo e tenho vontade de apertar. Sucesso para vocês e parabéns pelo ato de adoção.

      Excluir
  2. Adotar um pet é coisa seria mesm, afinal e como uma cirança que requer cuidados, remedios e carinho. O mais gostoso de tudo é o carinho que eles nos dão de volta.
    Eu tenho um cacahro o Huck que foi abandonado com dias na porta de casa, e desde então ta aqui, grande lindo e saudavel.
    Tenho um gaot tbm, que foi abandonado no pet onde eu trabalhava, e com la ia fechar, não ida dar pra outros ele podia morrer de tristeza entçao trouxe pra mim tbm kkkk esse se chama Ernesto,bjkas lindona
    www.garotafucada.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ernesto e Huck! Adorei os nomes! Belo ato você fez :)

      Excluir
  3. Que post incrível Hida! Sem duvidas adotar e um dos gestos mais lindos que existe no mundo. Todos os meus bichinhos eu resgatei da rua ou adotei, eles merecem respeito e muito amor até porque amizade não se compra. Parabéns pelo post. <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, Ana, amizade não se compra. ;)

      Excluir
  4. É sempre importante tocar nesses assuntos, principalmente perto do Natal.
    Tenho um idosinho de 16 anos aqui comigo, quase metade da minha vida foi com ele <3
    Eles são ótimos, mas não tem só parte boa, como tudo na vida. Tem que saber tudo isso mesmo antes de adotar, e NÃO COMPRAR pelo amor de Deus! rs

    Beijos
    Camila

    www.sejabelissima.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Camila, você tocou em um ponto bem importante porque no fim de ano o número de abandonos só aumenta :( Lamentável.

      Excluir
  5. Tenho dois gatinhos, também resgatados em minha vizinhança. Quando esses bichinhos literalmente cruzaram o meu caminho, soube na hora que uma boa amizade - e certamente um grande amor - nasceria ali <3

    Adotem, adotemos sempre! :))

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gatinhos são fofinhos e peludinhos ;) Adoro eles também <3

      Excluir
  6. Eu queria muito um vira-lata ou um pug :(
    Mas o povo aqui de casa é tão chato em relação a animais, já que moro em apartamento.
    Difícil, mas quando eu morar sozinha terei <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, Nay, que pena. Mas fica fria, quando o tempo passar você adota um :)

      Excluir
  7. Adotar é coisa séria sim! Animal sente frio, fome, sede, quer carinho... Adotar faz muito bem e um cachorro alegra qualquer vida.
    Coisa mais linda esse poodle. Lindo
    Beeeijos
    http://www.alecanofre.com/
    https://www.youtube.com/alecanofremakeup/

    ResponderExcluir
  8. Eu tenho um gatinho chamado Caleb <3 amooo muito!!

    Beijinhos

    ww.blogsunshinee.com
    Facebook: Blog Sunshine

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que tem amor nessa parceria, Eryca :)

      Excluir
  9. Eu acho maravilhoso o trabalho dessas pessoas das ONGs que ajudam os animais e acho o ato de adotar maravilhoso! Eu queria muito um cachorrinho e se pudesse adotaria, não compraria, mas infelizmente eu moro em um apartamento onde eles são proibidos :/
    Adorei o seu blog, viu?
    Beijos,
    http://fazdeconta-daliv.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Liv, obrigada pela visita! O trabalho das ONGs é fundamental para salvar a vida desses animais. Beijos :*

      Excluir
  10. Oi, Hida! Muito interessante e sério seu post, tem pessoas que pegam os bichinhos como se fossem um brinquedo e depois que crescem e elas começam a perceber que dá trabalhos e necessita de atenção como uma criança, eles simplesmente abandonam os bichinhos. Graças a Deus existem Ongs e pessoas de bom coração! Beijokas

    http://quasevaidosa.com/

    ResponderExcluir
  11. Oi, Hida! Muito interessante e sério seu post, tem pessoas que pegam os bichinhos como se fossem um brinquedo e depois que crescem e elas começam a perceber que dá trabalhos e necessita de atenção como uma criança, eles simplesmente abandonam os bichinhos. Graças a Deus existem Ongs e pessoas de bom coração! Beijokas

    http://quasevaidosa.com/

    ResponderExcluir

Hey! Obrigada pela visita :) O seu comentário é muito importante para mim!

© Blog da Hida | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Colorindo Design | Tecnologia do Blogger.